Clubhouse: o que é? Conheça a nova rede social - Designlab Agência Digital rj - Agência de marketing RJ- Agência de Seo Rj - Marketing digital rj - Agencia SEO rj - Serviço de Marketing Digital RJ - Agência de Adwords RJ - Empresa de Marketing Digital RJ - Serviço de marketing digital rj

+55 (21) 98121-5300

Clubhouse: o que é? Conheça a nova rede social

24 de fevereiro de 2021
Designlab

Nas últimas semanas, uma nova rede social tem chamado a atenção de celebridades e anônimos.

Exclusivo para usuários de iPhone, o Clubhouse é um aplicativo de conversas por áudio que virou assunto no mundo todo.

Apesar de ter sido lançado em março de 2020, ainda em versão beta, a plataforma explodiu recentemente.

O Google aponta que as buscas pelo termo cresceram 4.850% em apenas uma semana. Veja, a seguir, tudo sobre o novo fenômeno.

O que é o Clubhouse?

O Clubhouse é uma rede social de chats por áudio que foi criada e lançada por Paul Davidson e Rohan Seth, engenheiro industrial e cientista da computação, respectivamente.

Segundo os próprios criadores, a plataforma permite “abrir diferentes salas cheias de pessoas conversando – tudo aberto para que você possa entrar e sair, explorando diferentes conversas. Você entra em cada sala como um membro da plateia, mas se você quiser falar você só precisa levantar as mãos e os oradores podem te convidar”.

Além de entrar em salas que já existem, também é possível criar os próprios ambientes de conversa.

A proposta é ter um lugar para se encontrar com amigos e encontrar novas pessoas ao redor do mundo.

Contar histórias, fazer perguntas, debater, aprender e falar sobre milhares de temas diferentes.

Por que só a voz é permitida?

A rede social só permite a interação por voz. E, diferente de várias outras plataformas como Instagram e Facebook, não permite curtidas, compartilhamentos e comentários por texto.

Paul e Rohan explicam que escolheram o áudio porque esse é um “meio especial”.

“Sem uma câmera ligada, você não precisa se preocupar com o contato olho no olho, o que você está vestindo ou onde você está. Você pode conversar no Clubhouse enquanto você dobra roupas, amamenta, viaja, trabalha no seu sofá no porão ou indo para uma corrida.

Ao invés de digitar algo e clicar em enviar, você está engajado com um diálogo de ida e volta com alguém”, defendem.

Rede exclusiva:

Outro ponto do aplicativo é que ele não está aberto ao público ainda. Somente pessoas que possuem iPhone e recebem convites de amigos podem entrar.

Também é possível entrar em uma lista de espera para ser convidado. Os fundadores dizem que a intenção futura é disponibilizar o programa para todos, incluindo quem possui o sistema operacional Android.

Eles argumentam que isso não aconteceu ainda porque eles preferem que a rede social cresça de maneira lenta. Já que isso ajudaria os servidores a não quebrarem e permitiria que os ajustes fossem sendo feitos gradativamente.

Ademais, os idealizadores afirmam que eles ainda são uma equipe pequena e estão contratando talentos para melhorar o Clubhouse.

Outro ponto que chamou a atenção em relação ao aplicativo foi a presença de famosos.

A exclusividade permitiu que celebridades como Oprah Winfrey, Terry Crews, Jared Leto, Drake, Ashton Kutcher e Elon Musk interajam com fãs em canais de discussão